quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Carreira no Setor de Limpeza


Muitos acham que no setor de limpeza não há esperança de sucesso profissional, que trabalhar com limpeza é a última alternativa quando não se consegue outro emprego melhor. Para desmistificar este conceito, gostaria de iniciar uma discussão com todos aqueles que, de uma maneira ou de outra, estão ligados ao setor de limpeza institucional.
O nosso setor é um dos maiores e mais abrangentes setores da economia, uma vez que os serviços de limpeza estão inseridos em todas as atividades humanas, sejam elas econômicas ou não. considerando esta realidade temos então um leque imenso de oportunidades de carreira para as pessoas inseridas nesta atividade, e que conseguem enxergar o potencial deste mercado.

Então, vejamos algumas situações que se apresentam no mercado institucional de limpeza:
Cada vez mais o consumidor está exigindo ambientes limpos, organizados, humanizados e ambientalmente sustentável. Para atender a esta demanda, as empresas de limpeza, fornecedores e fabricantes de equipamentos tem contratado novos empregados com especialização nas áreas de qualidade, gestão ambiental, marketing entre outros, além de contratação de empresas de consultoria e treinamento, que por sua vez, também vêm se especializando nesta área, que nunca antes foi foco de atenção.
hoje nosso mercado está se segmentando naturalmente, e empresas especializadas em segmentos de limpeza começam a surgir, tratando especificamente de tipos diferentes de limpeza como por exemplo: limpeza industrial, limpeza hospitalar, limpeza urbana, limpeza de eventos, limpeza de móveis e carpetes, limpeza de fachada de prédios e por aí vai.
Neste contexto, surge a figura do profissional especializados como Técnico de limpeza de fachada, técnico de limpeza de químicos, técnico de limpeza, inspetor de qualidade de processos de limpeza, Instrutor de treinamento de processos de limpeza, auditor de Sistema de gestão de limpeza e por aí vai.

Partindo agora para a área administrativa ou de gestão, como queiram, as oportunidade se ampliam a medida que as empresas se especializam, pois com a adoção de novos processos internos como já falado: sistemas de qualidade, sustentabilidade ambiental, segurança do trabalho etc. gerando a necessidade de gestores preparados e com perfil empreendedor, pois estes novos processos não são de domínio público, estão sendo criados internamente nas empresas com participação de todos os colaboradores.
Outro fator interessante é o custo destes serviços especializados, que passam a ter um valor agregado muito maior e que, diferente do que tínhamos a poucos anos atrás, já existem empresas dispostas a pagar mais por essa excelência.
A cada ano cresce o número de empresas do mercado de limpeza que buscam a certificação ISO-9001 e ISO-14001, como forma de, primeiro, garantir a qualidade e a sustentabilidade de seus produtos e serviços, segundo, falar a mesma língua de seus clientes. A princípio falar de certificação ISO vem à mente o aumento de custo da operação, porém o empresário do setor está constatando que investir em qualidade na verdade reduz o custo, por minimizar o desperdício e as falhas, além de garantir que os clientes estejam satisfeitos com os serviços contratados.


Gostaria de ler comentários sobre estes assuntos e aprofundar o tema, quem se interessar, é só clicar no link comentários.

Por Adilson Barroso

Um comentário:

masp disse...

Concordo com os seus comentários, nós da Plataforma Tecnologia em Conservação de Pisos nos enquadramos nestas características pois fornecemos máquinas de limpeza e notamos que mais do que nunca este é o caminho para maximizar os lucros (um serviço bem feito em menos tempo). Os operadores destes equipamentos não são apenas faxineiros mas profissionais capacitados.